Bateu a boca, e agora!?

Blog

Post Tags

Bateu a boca, e agora!?

Crianças! Sim, são crianças e estão aprendendo…

Aprendem a andar, correr, desviar…

Além de serem curiosos, exploradores e quererem descobrir, fazer, agir…

No entanto, muitas vezes a consequência desta fase é a queda, o trauma!

O maior desespero é que quando acomete a boca, há um grande sangramento.  E, em grande parte das vezes, ocorre aos feriados, finais de semana, ou em férias (sim, momentos esses que as crianças ficam mais livres e a vontade) e que não encontramos nossos odontopediatras de confiança.

As dicas abaixo, são para auxiliá-los (papais e mamães) neste momento:

1) Manter a calma;

2) Localizar o local da lesão e conter o sangue (usar um pano limpo e seco e comprimir por aproximadamente 3 minutos);

3) Colocar gelo (pode ser sorvete, frutas frias…)

4) Recolher o dente (ou parte dele) que caiu e conservar em um vasilhame contendo leite, soro fisiológico ou saliva

5) Procurar odontopediatra (tenha o telefone celular dela sempre em mãos)

6) NÃO recoloque o dente!

Muitos beijinhos sem cáries

Profa. Dra. Thelma Parada

Odontopediatra

@dentistadecrianca

wwww.dentistadecrianca.com.br

Receba nossas novidades no seu E-mail

Digite o seu e-mail e receba nossos artigos, promoções de parceiros e eventos no seu e-mail. Gratuitamente!

Webmaster

  • Arthur Arteiro já bateu a boquinha no chão! Na pressa pra correr, mal sabe andar! Sangrou! Incisivos superiores nascendo, gengiva inchada…. Ai que dó!!! Logo parou de chorar, pro sossego do meu coração! Mandei uma pera geladinha, pq o gelo não teve como. Por sorte está tudo bem, não ficou edema…