Brincar de carrinho é bom para criança

Bebê Blog Criança Saúde

Ah! Brincar de carrinho!!

0009365824L-1920x1280

Arthur está nessa deliciosa fase. Aliás, já faz o barulho de carrinho há muito tempo, e sempre que andávamos de carro fazia o tal barulho, apontando para fora, até que percebemos que se era sobre os carros a que se referia. Agora, além do barulho, quase tudo virou carro. Brinca com os pequenos e também com seu próprio carrinho, aquele no qual nós o levamos, empurrando de um lado pro outro.

 Você sabia que brincar de carrinho é um excelente exercício? Bem, quem acompanha o Para Criança sabe que brincar é fundamental para o desenvolvimento da criança, pois estimula diversas áreas cerebrais importantes para a vida adulta.

Mas vamos falar dos carrinhos:

Desenvolve a imaginação, imitando os sons, repetindo o que vê nas ruas ou assiste na TV.

Permite exploração espacial, ou seja, “trafegando” por vários locais dentro de casa, ou parque, ou rua, a criança cria trajetos, desvia de obstáculos, e se ao ar livre, melhor ainda! Há a interação com o ambiente,

Brincar de carrinho permite a criança ter noção de regras, o controle da velocidade, dos planos (subindo, descendo, alto, baixo). Tem crianças que tudo vira carrinho, constroem pistas, cidades, trajetos, placas de sinalização, estimulando assim os campos responsáveis pela matemática em nosso cérebro, mesmo que inconscientemente, “desenhando” nessas pistas figuras geométricas, e manipulando as noções tempo/espaço.

 Crianças maiores usam mais de um carrinho e também adicionam personagens à brincadeira, e esse faz de conta permite um entendimento melhor das relações interpessoais, podem também demonstrar reações e sentimentos como alegria ou raiva, quando surgem situações problema que eles próprios criam em sua imaginação e logo resolvem.

 Puxar um carrinho maior ou empurrar, além de todos os benefícios acima citados, também promovem um gasto calórico grande pois o deslocamento é maior, e também há os movimentos de puxar e empurrar, mobilizando pernas e braços, e por tantas vezes também fazendo força, pois os carrinhos maiores também são mais pesados.

E a brincadeira não para por aí. Tem ainda quem fabrique seus próprios carrinhos, como os de rolimã, e os outros que não são fãs de velocidade mas sim pequenos engenheiros, que desmontam e tentam remontar para ver como tudo funciona.

Tem os carrinhos prontos, mas também é possível montar através de materiais alternativos, daí vira outra brincadeira.

Quanta coisa legal esses brinquedos com rodas podem nos proporcionar. A criatividade rola solta, o desenvolvimento acelera os neurônios. Só diversão

Estimule sua criança, menino ou menina, a brincar de carrinho. Além de uma diversão é um excelente exercício.

 Abraço

Estelinha e Arthur
@estelampe
www.namorarsempre.com

Receba nossas novidades no seu E-mail

Digite o seu e-mail e receba nossos artigos, promoções de parceiros e eventos no seu e-mail. Gratuitamente!

Webmaster